Cultura

Autoridades tradicionais pela cultura

Manuel Barros| Cacuaco

As autoridades tradicionais de Cacuaco defenderam, neste fim-de-semana, em Luanda, o reforço do resgate dos valores cívicos e da identidade cultural nacional, por estarem a desaparecer aos poucos.

22/11/2021  Última atualização 09H15
Autoridades tradicionais de Cacuaco © Fotografia por: DR
A preocupação foi manifestada durante a proclamação do Concelho Provincial das Autoridades Tradicionais de Luanda, que decorreu no Marco Histórico do Kifangondo, no município de Cacuaco num acto realizado para preservar a linhagem ancestral dos antepassados.

O presidente provincial de Luanda, eleito durante o acto, o soba  João Adão, afirmou, durante a tomada de posse que o Concelho das Autoridades Tradicionais vai servir para divulgar e preservar mais as linhagens ancestrais dos sobas, assim como um meio para debater os problemas das comunidades.

Durante o acto foram eleitos 125 autoridades tradicionais de Luanda, que doravante vão trabalhar com os jovens para divulgar a importância das autoridades tradicionais na passagem de testemunha das culturas e tradições entre as comunidades.

O rei das Lundas,  Mwatchisenge-wa-Tembo (José Estevão), que presenciou o acto, acredita ser um exemplo para as demais províncias e uma forma de acabar com a anarquia e usurpação de poderes, por parte de determinadas associações, "a maioria criada em representação das autoridades tradicionais angolanas com fins inconfessos e interesses pessoais”.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura