Mundo

Ataque rebelde mata 14 civis no Leste da RDC

Um ataque perpetrado, no sábado, por alegados membros da rebelião das Forças Democráticas Aliadas (ADF), na província de Ituri, no Leste da República Democrática do Congo (RDC), provocou, pelo menos, 14 mortos, disse, esta segunda-feira, fonte local.

04/10/2022  Última atualização 09H45
© Fotografia por: DR

Segundo Lingasa Benago, presidente da sociedade civil em Banyali-Tchabi, "as ADF fizeram uma incursão e massacraram civis”, acrescentando que "o balanço provisório aponta para 14 civis mortos, incluindo duas mu-lheres, além de muitos feridos e desaparecidos”.

Os rebeldes, "depois de executarem as pessoas, incendiaram 36 casas e saquearam bens da população”, disse Benago, citado pelo portal de notícias da RDCongo 7sur7.

O total de mortos foi confirmado pelo chefe administrativo, Babanilau Étienne.

As ADF são um grupo ugandês criado na década de 1990, especialmente activo no Leste da RDC e acusado do massacre de centenas de civis nesta área do país.

O grupo sofreu uma cisão em 2019 depois de Musa Baluku - sancionado pelas Nações Unidas e pelos Estados Unidos - ter jurado fidelidade ao grupo extremista Estado Islâmico na África Central (ISCA), sob cuja bandeira opera desde então.

Kinshasa e Kampala assinaram um acordo de defesa em Dezembro para realizar operações conjuntas no Leste da RDC.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Mundo