Sociedade

Assaltantes em táxis foram detidos pelo SIC

Um grupo de quatro indivíduos, que simulava realizar actividade de táxi, com uma viatura modelo Hiace, com as cores azul e branco, para assaltar passageiros, foi detido pelo Comando Provincial de Luanda da Polícia Nacional.

29/06/2022  Última atualização 09H31
© Fotografia por: DR

O porta-voz da Polícia Nacional em Luanda, superintendente Nestor Goubel, explicou que os supostos taxistas faziam várias rotas em Luanda e, no meio do trajecto, assaltavam os passageiros, com preferência às mulheres. Nessas acções, roubavam dinheiro, telefones e outros pertences. Nestor Goubel referiu que os meliantes alternavam nos modus operandi, mesmo que os motoristas tivessem já um cobrador próprio, com que trabalhavam no roubo dos bens das passageiras com dias alternados.

"Um dos truques era, ao longo do trajecto, simular que a porta avariou, obrigando às passageiras a arranjar à porta, para depois colocar e pedir os telefones. Outro, era ameaçar com arma de fogo os passageiros para receber os bens”, explicou. Os meliantes foram detidos na zona da Mutamba, quando estavam a mobilizar senhoras para subir no táxi, com destino ao Benfica, com a intenção de assaltá-las.

O porta-voz da Polícia admitiu a possibilidade de os meliantes serem reincidentes e prejudicarem vários cidadãos, tendo em conta que certas vítimas apresentaram queixa-crime e outras gravaram áudios e espalharam nas redes sociais.

Noutro caso, um funcionário de uma empresa de segurança, de 47 anos, foi detido pela Polícia Nacional, por supostamente alugar uma arma de fogo do tipo AKM, com a qual fazia guarnição.

A arma seria vendida por dois a cinco mil kwanzas a um grupo de dois marginais, disse o porta-voz da Polícia em Luanda.

Nestor Goubel frisou que o segurança tomava conta de um estabelecimento na zona do Catintom e ficava quase uma semana sem renda no mesmo posto, daí ter decidido alugar a arma consciente de que seria usada para a actividade criminosa. Com a arma em posse, os dois marginais, de 24 e 36 anos, também já detidos, assaltavam residências e pessoas na via pública.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade