Cultura

“As Máscaras do Corpo” é inaugurada hoje na Movart

Uma exposição colectiva de arte, intitulada “As Máscaras do Corpo”, composta por um conjunto de obras dos artistas Alice Marcelino, Ana Silva, Gabriela Noujaim, Gonçalo Mabunda, Keyezua, Mário Macilau e Fidel Évora, é inaugurada hoje, às 18h00, na Galeria Movart, em Lisboa.

24/11/2022  Última atualização 14H20
“As Máscaras do Corpo” é inaugurada hoje na Movart © Fotografia por: DR

A exposição "As Máscaras do Corpo”, que fica patente até 10 de Fevereiro de 2023, reúne um conjunto de artistas do acervo da galeria em que a representação do corpo pode ser entendida como uma associação de reflexões sobre as diversas modalidades da corporalidade com que nos expressamos e sobre a qual nos interrogamos.

No texto de apresentação da mostra, o curador João Silvério refere que a selecção de obras para a exposição colectiva, de Alice Marcelino, Ana Silva, Gabriela Noujaim, Gonçalo Mabunda, Keyezua, Mário Macilau e Fidel Évora, numa ocupação de todo o espaço interior e exterior da galeria, pretende dar a ver diferentes propostas artísticas como ensaios visuais sobre a condição humana, num sentido especulativo e exploratório da sensibilidade do observador, confrontando-nos com linguagens e registos de autores referenciais que transitam entre memórias diversas, e diferentes meios de expressão artística.

Este sentido interrogativo é presente numa geografia multifacetada que se afasta de uma ideia de generalização sobre a prática artística, e como refere Débora Almeida Ferreira acerca da arte africana "partindo de um ponto de vista eurocêntrico, é concebida uma ideia equivocada de uma arte africana única e homogénea: máscaras, estatuetas, músicas e danças, que uma vez já foram depreciadas por serem consideradas primitivas, tornou-se aos olhos europeus um objecto de puro exotismo, tanto pelo uso de diferentes materiais, como pela sua técnica, desenho e estilo correspondente a cada localidade.”

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Cultura