Economia

Arseg aprova plano de recuperação da empresa Global Seguros S.A

Yola do Carmo

A Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG) divulgou, esta semana, ter sido aprovado o Plano de Recuperação e Financiamento da Seguradora Global Seguros, S.A.

22/09/2022  Última atualização 08H05
© Fotografia por: DR
O Plano de Recuperação e Financiamento aprovado, comporta um conjunto de medidas que visam garantir uma maior robustez financeira da Seguradora, bem como sustentar o seu plano de crescimento.

Nos termos do Despacho nº 78/ARSEG/2022, as medidas do Plano aprovado devem ser integralmente realizadas até ao final do exercício económico 2023, a contar da data do referido Despacho, sendo que, para efeito de monitoramento, a Global Seguros deve submeter à ARSEG relatórios trimestrais de execução do Plano de Recuperação e Financiamento aprovado.

Regulamentação

A Agência Angolana de Regulação e Supervisão de Seguros (ARSEG)  procede, hoje, em Luanda, no auditório do Ministério das Finanças a sessão pública de apresentação do projecto de norma regulamentar sobre as informações obrigatórias e periódicas das empresas de seguros.

Segundo uma nota da instituição que o Jornal de Angola teve acesso, os comentários, sugestões e contributos feitos pelos agentes do mercado, em relação às soluções apresentadas, foram submetidas à entidade até o passado dia 19 do mês em curso. O documento sustenta que o projecto de norma regulamentar que agora se submete à consulta pública e as opções nele contidas são da exclusiva responsabilidade da Arseg.

A Arseg informa que na sequência da entrada em vigor da Lei nº 18/22 de 07 de Julho, nova Lei da Actividade Seguradora e Resseguradora (LASR), há necessidade de redefinição da periodicidade e de optimização dos termos e condições de prestação das informações.

A Arseg é o organismo público responsável pela regulação e supervisão da actividade seguradora, resseguradora, dos fundos de pensões e mediação de seguros, de modo a assegurar o bom funcionamento desse sector, contribuindo para a garantia da protecção dos tomadores de seguro, beneficiários e pensionistas.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia