Desporto

Argentina e Austrália disputam segunda vaga dos “quartos”

João Carmo

Jornalista

O primeiro dia dos oitavos-de-final fica concluído com a partida entre Argentina e Austrália, a partir das 20h00, no Estádio Ahmad Bin Ali, em Al Rayyan. Por ter terminado na liderança da Série C, os argentinos evitaram um encontro com a França, actual campeã mundial.

03/12/2022  Última atualização 09H45
© Fotografia por: DR

Nesta fase, torna-se difícil atribuir favoritismo a uma ou a outra selecção. Apesar do historial e maior tradição na prova que se reconhece à Argentina, tudo pode acontecer, quando se trata de jogos a eliminar. Se dependesse do ranking da FIFA, os argentinos seriam amplamente favoritos à vitória, já que são os terceiros, ao passo que os "aussies” são 38º.

A Argentina começou mal este Mundial. Depois de se estrear com uma derrota diante da Arábia Saudita, surpreendente a todos os níveis, a Argentina recuperou-se na fase de grupos e venceu o México e a Polónia, ambos por 2-0. Com duas vitórias seguidas, o conjunto Albiceleste terminou no topo do Grupo C, com seis pontos.

Os argentinos têm em Messi a sua principal unidade, mas este não marcou no desafio com a Polónia, tendo até perdido um penálti, depois de ter marcado um golo em cada um das outras duas partidas da primeira fase. Fica-se assim na expectativa de saber se o astro argentino vai voltar aos golos ou continuar em seco.

 No total, o astro do Paris Saint-Germain tem oito golos em Mundiais, a dois do recorde dos 10 de Gabriel Batistuta.

Em dúvida está a condição física de Ángel Di María, extremo que foi substituído na última partida por um problema muscular.

No outro lado das quatro linhas vai estar a Austrália, conjunto sem grandes craques que se vale do colectivo. Para já, igualou o seu melhor desempenho histórico de Mundiais, que são os oitavos-de-final no Alemanha-2006.

A Austrália é, ao lado do Marrocos, a principal surpresa da primeira fase do Qatar-2022.  Na primeira jornada, foram goleados por 4-1 pela França e ficaram numa situação difícil. Contudo, venceram Tunísia e Dinamarca por 1-0 nas jornadas que se seguiram.

Em Campeonatos Mundiais, a partida entre argentinos e australianos é inédita, mas os dois conjuntos já se defrontaram noutras competições.

A má campanha da Argentina nas Eliminatórias para o Mundial-1994, nos Estados Unidos, resultou para a selecção Sul-americana uma disputa de lugar na repescagem com a Austrália, representante da Oceania. Nos dias que correm, os australianos representam a AFC, confederação asiática.

Ao todo, foram sete partidas disputadas, com cinco vitórias da Argentina, um empate e um triunfo da Austrália.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Desporto