Desporto

Angolanas regressam da pausa com empate nas Olimpíadas de Xadrez

JA Online

A Selecção Nacional Feminina empatou com a Guatemala, esta sexta-feira, nas Olimpíadas de Xadrez, em Chennai, na Índia.

05/08/2022  Última atualização 21H58
© Fotografia por: chessolympiad.fide.com
A Mestre Fide Feminina, Ednásia Júnior mediu forças com a Mestre Internacional Feminina da Guatemala, Sílvia C. Mazariegos, na mesa 1, juntas protagonizaram um duelo sem surpresas, respeitando-se mutuamente.

A partida terminou praticamente simétrica, com a diferença a residir num peão para as brancas sendo este dobrado na coluna B, ambas acabaram por acordar o empate em 32 jogadas. 

Na mesa 2, a Mestre Fide Feminina, Luzia Pires teve pela frente Daniela J. Garcia, uma série de imprecisões levou a que a adversária vencesse. 

A primeira imprecisão surgiu no 33.º lance, mudou a posição da dama declinando a troca de material, o que levaria a uma final de cavalos e reis contra peões, embora tenha passado despercebida a jogadora guatemalteca. 

Com a superioridade de peões, cometeu a segundo imprecisão a avançar de h3 para h4, cedendo a vantagem de fácil conversão à oponente que não desperdiçou o ponto da vitória num duelo longo que durou 69 lances.

A mesa 3, entre Elvia Natareno e Jemima Paulo, foi um embate repleto de motivos tácticos e oportunidades com chances de triunfo para qualquer dos lados, mas no 32.º turno, Jemima jogou cavalo em e2, provocando um ataque duplo, conhecido como garfo na gíria da modalidade, atacando a torre em g1 ao bispo em c1. E com superioridade material na final de bispo e torre contra torre, converteu a única vitória do conjunto angolano. 

Por último, a mesa 4, com Renelsa Taiane de regresso à prova, teve do outro lado do tabuleiro, Dairyn D. Lopez L.

Tivemos mais um empate, com a jogadora nacional, com as peças brancas, a dominar grande parte do jogo, com um bom plano táctico que criou oportunidades para vencer, contudo não foi explorado tanto quanto podia ter sido, tendo por isso conduzido a uma vantagem que foi cedida para a oponente, que teve uma final de torre e bispo contra dama, mas que também não teve coordenação suficiente para fechar a partida de forma triunfante, perfazendo 87 jogadas e um total de 2 pontos para as duas selecções. 


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Desporto