Sociedade

Angola regista um óbito e 89 infectados em 24 horas

Mazarino da Cunha

Jornalista

Angola registou, nas últimas 24 horas, um óbito, 89 novas infecções e a recuperação de 1.416 pacientes, de acordo com dados do boletim informativo da Direcção Nacional de Saúde Pública (DNSP) distribuída ontem à imprensa.

28/01/2022  Última atualização 06H55
© Fotografia por: DR
O documento informa que o óbito ocorreu na Lunda-Sul. A vítima tinha 79 anos de idade. Em relação às novas infecções, 42 foram notificadas em Luanda, 22 no Cuanza-Sul, 15 na Lunda-Sul, três no Huambo, duas no Bié, Huíla, Moxico e uma no Cuando Cubango.
Os infectados têm idades entre 2 meses e 66 anos, sendo 43 do sexo masculino e 43 do sexo feminino.  

No que diz respeito aos recuperados, 432 foram registados em Luanda, 253 em Cabinda, 231 no Zaire, 188 em Benguela, 116 no Cuanza-Sul, 55 na Huíla, 43 no Cuanza-Norte, 35 no Moxico, 25 no Huambo, 21 no Cunene, 11 no Bengo e seis no Bié.

Com estes dados o país contabiliza 97. 901 casos positivos, dos quais 1.893 óbitos, 92.296 recuperados e 3.655 activos. Deste número, três estão em estado crítico, 15 graves, 24 moderados, 42 têm sintomas leves e 3.655 são assintomáticos. 

Nos centros de tratamento da Covid-19, a nível do país, estão internados 84 doentes. Em quarentena institucional estão 30 cidadãos e 3.655 estão em isolamento domiciliar.    

O Laboratório de Biologia Molecular processou, nas últimas 24 horas, 1.296 amostras, das quais 89 foram positivas. Desde o início da pandemia, em Março de 2020, foram processadas 1.369.550 amostras, das quais 97. 901 tiveram resultado positivo.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade