Política

“Angola deve continuar a assumir a liderança”

Garrido Fragoso

O Presidente da República de Cabo Verde afirmou ontem, em Luanda, que Angola deve continuar a assumir um papel inspirador e de liderança, constituindo-se, cada vez mais, num actor credível ao nível do continente africano e do mundo.

11/01/2022  Última atualização 06H43
Presidente de Cabo Verde discursa na Assembleia Nacional © Fotografia por: Kindala Manuel | Edições Novembro
José Maria Neves discursava na sessão solene da Assembleia Nacional, convocada por ocasião da visita oficial que efectua desde domingo ao país, e desejou que a presidência da CPLP por Angola seja marcada pelo reforço das relações entre os países africanos de expressão portuguesa e fortalecimento da comunidade.

Perante os deputados, a ministra de Estado para a Área Social, Carolina Cerqueira, e o ministro das Relações Exteriores, Téte António, o estadista destacou a necessidade do incremento das relações empresariais e comerciais bilaterais, salientando que da parte do Governo cabo-verdiano existe o "firme propósito" de alargar as relações para outros sectores de actividade.

Descreveu, em síntese, os percursos de vida de Agostinho Neto e de Amílcar Cabral, considerando que ambos marcaram de forma indelével a trajectória emancipadora rumo às independências nacionais, afirmando: "Se pelo campo de concentração de Tarrafal passaram muitos nacionalistas angolanos que foram presos e deportados para Cabo Verde, São Nicolau também foi cárcere de muitos jovens cabo-verdianos, cujo crime foi de lutar e sonhar por um país livre e independente".

O Presidente cabo-verdiano homenageou os mártires da Baixa de Cassanje, lembrando que tais acontecimentos contribuíram para o início da luta armada e Independência de Angola e o processo de emancipação em África. Referiu o "enorme" contributo de Angola ao processo que acabou com o regime do apartheid na África do Sul e estabeleceu um Governo multirracial  naquele país africano.

"Angola escreveu, dessa forma, uma página exemplar da história recente do continente. O sacrifício do povo angolano mudou a face da África Austral, contribuindo de forma decisiva para propiciar um clima de desenvolvimento na região, com reflexos em África”, reafirmou, acrescentando ser esta Angola solidária, generosa, destemida e insubmissa, que deve servir de inspiração para os demais Estados africanos.

Quanto à Covid-19,  considerou "vergonhosa a desigualdade" no acesso às vacinas e aos testes de despiste, salientando que a crise provocada pela pandemia pode revelar-se numa oportunidade para os africanos reflectirem sobre as "formas inovadoras" de cooperação e solidariedade.

O Chefe de Estado cabo-verdiano também falou da necessidade da criação de um sistema de governação na União Africana, consubstanciada  na divisão adequada do trabalho entre a organização continental e as organizações regionais, incluindo os Estados-membros, com responsabilidades partilhadas para o cumprimento da Agenda 2020-2063.

Laços históricos

Angola e Cabo Verde são dois países unidos por fortes laços de  amizade e solidariedade assentes em factos históricos, indicou ontem o presidente da Assembleia Nacional, durante o discurso de boas-vindas ao líder cabo-verdiano, destacando os "progressos notáveis" realizados pela nação anfitriã em diversos domínios.

Ao Presidente cabo-verdiano, Fernando da Piedade Dias dos Santos pediu maior incentivo para a revitalização da cooperação entre os parlamentos. Sublinhou que o reforço da cooperação entre as duas instituições terá  reflexos nas posições conjuntas em  fóruns internacionais e no incremento das relações de amizade e  cooperação entre ambos os povos.

"Pretendemos com o Parlamento de Cabo Verde uma cooperação mais dinâmica, consubstanciada  em mais visitas  de parlamentares, troca de experiência em matérias de interesse comum e, sobretudo, acções de formação dos funcionários e agentes  parlamentares", referiu, manifestando a abertura e a disponibilidade para fortalecer a cooperação com o arquipélago.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Política