Regiões

Aldeia Mwene Tumbika ganha centro de saúde de referência

Lourenço Bule | Menongue

Jornalista

As comunidades da aldeia Mwene Tumbika, a 40 quilómetros da cidade de Menongue, na província do Cuando Cubango, contam, desde quinta-feira, com um centro de saúde de referência, cujas obras ficaram orçadas em 229,6 milhões de kwanzas.

24/07/2022  Última atualização 11H10
População vai deixar de ter necessidade de percorrer distâncias em busca de assistência © Fotografia por: DR

O referido centro de saúde tem capacidade para internar 30 doentes e conta com serviços de medicina geral, cuidados intensivos, pequenas cirurgias, planeamento familiar, parto e pós-parto, além de consultas internas e externas, Programa Alargado de Vacinação (PAV) e de atendimento à criança desnutrida.

De acordo com o director municipal da Saúde, João Chihinga, a unidade sanitária vai, também, atender mais de seis mil pessoas que residem ao redor da aldeia Mwene Tumbika, concretamente nos bairros Cassamba, Calipe, Calulu, Mupembei, Bambala, Chipompo e Cuelei.

Explicou que o centro de saúde está devidamente apetrechado com equipamentos modernos para garantir assistência condigna à população, que, numa primeira fase, vai ser assistida por oito enfermeiros.   O paludismo, doenças diarreicas e respiratórias agudas e a mal nutrição são as patologias mais frequentes na região. 

Segundo João Chihinga, o município de Menongue passa a contar com 53 unidades sanitárias, entre as quais 40 postos médicos, 12 centros de saúde e um Hospital Municipal, que são assegurados por 86 médicos de diversas especialidades e 512 enfermeiros, técnicos de laboratório, diagnóstico e terapêutica, bem como pessoal de apoio administrativo.

"Necessitamos de mais postos médicos e centros de saúde, bem como cerca de 300 profissionais do ramo, principalmente para as zonas longínquas e de difícil acesso, cuja população percorre longas distâncias à procura de assistência médica e medicamentosa”, disse.

O vice-governador do Cuando Cubango para o Sector Técnico e Infra-Estruturas, João Bonifácio Cassanga, que inaugurou o centro de saúde, realçou o facto da população, a partir de agora, deixar de ter necessidade de percorrer longas distâncias para receber assistência médica, na cidade de Menongue, como acontecia anteriormente.

João Bonifácio Cassanga disse que o Governo do Cuando Cubango tem em carteira, através de vários programas do Executivo angolano, a construção de unidades sanitárias em zonas de difícil acesso e capacitação contínua dos profissionais da Saúde, visando a redução dos índices de mortalidade nas comunidades.

"Há muitos municípios e comunas do Cuando Cubango que carecem de unidades sanitárias e o Governo Provincial está a trabalhar para acabar com estes problemas, que têm criado inúmeros transtornos à população, maioritariamente a com poucos recursos financeiros, que é obrigada a percorrer vários quilómetros a pé, em busca de socorro, acabando, muitas vezes, por falecer ao logo do trajecto”, disse.  

 

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões