Economia

Água potável chega a maior número de pessoas

O administrador municipal do Balombo garantiu ontem, que o projecto de águas local, que engloba as estações de Bombeamento e de Tratamento de Água, já foi executado em mais de 98 por cento, faltando apenas dois quadros eléctricos para a sua conclusão e dessa forma se dar início ao bombeamento da água para os reservatórios, para que se iniciem os primeiros ensaios.

26/06/2020  Última atualização 13H31
António Gonçalves | edições Novembro © Fotografia por: Leopoldo Muhongo está satisfeito


Júlio Cuanza Santos, que falava a comunicação social no final da visita efectuada aquele município pelo vice-governador de Benguela para o Sector Técnico e Infra-estruturas, Leopoldo Muhongo, afirmou que, para além dos 50 chafarizes construídos no âmbito do projecto em que a estação está inserida, depois da conclusão das obras que ficaram ao cuidado da administração do município, que em parceria com a Empresa Pública de Águas, estenderá o projecto as áreas que até ao momento não beneficiem do mesmo, tendo em conta a expansão demográfica.

Quando o projecto for concluído, o administrador municipal do Balombo prevê que serão beneficiados com água tratada mais de 50 mil pessoas em todo o município e, enquanto o projecto aguarda conclusão, os munícipes continuam a ser abastecidos por um sistema alternativo.
“Também agora nos foi alocado através do governo da província moto-cisternas com os quais estamos a garantir água e também com sistemas de água que foram construídos nos bairros da sede do município, por isso não se verifica tanta escassez de água nesta altura”, justificou o administrador municipal do Balombo.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia