Economia

Agosto: Diamantes rendem 5,5 mil milhões de kwanzas

Regina Handa

As receitas fiscais com a produção diamantífera do país, em Agosto, fixaram-se em 5,5 mil milhões de kwanzas.

26/09/2022  Última atualização 07H00
© Fotografia por: Dr

O valor de compra apurado foi estimado em 173 milhões de dólares. O Imposto Industrial foi de 1,85 mil milhões de kwanzas e a Royalty de 3,7 mil milhões.

Segundo o documento publicado no sítio de Internet do Ministério das Finanças, as receitas resultaram da venda de 773 mil quilates ao preço de 267 dólares.

No mês de Julho, haviam sido vendidos 729 mil quilates ao preço de 316 dólares, de que resultara uma receita de 198 milhões de dólares.

Naquele período, o Im-posto Industrial apurado foi de 2,1 mil milhões de kwanzas e o Royalty de 4,2 mil milhões. A receita estimada em Julho ficou-se nos 6,3 mil milhões de kwanzas.

A Empresa Nacional de Diamantes de Angola (EN-DIAMA E.P) previu, para este ano, uma produção de 10,05 milhões de quilates e uma receita estimada no valor de 1,4 mil milhões de dólares.

Quanto aos investimentos no sector em 2021, foram aplicados valores acima dos 100 milhões de dólares. Os investimentos em causa foram efectuados em projectos já em funcionamento, executados no sentido de melhorar a prestação e participação.

A título de exemplo, caso concreto da mina de Catoca, a participação da estatal En-diama era de 32,8 por cento e, actualmente, ronda os 41 por cento, isso por força de um investimento de 70 mi-lhões de dólares realizado com recursos próprios.

 


Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia