Economia

Agentes de campo recebem meios

Um total de três motorizadas e acessórios de trabalho foram entregues recentemente, aos Agentes Municipais de Apoio ao Produtor (AMAPs) do município do Golungo Alto, no Cuanza-Norte, para dinamizar a execução das suas tarefas.

14/06/2021  Última atualização 08H51
As motorizadas vão ajudar a desenvolver várias acções © Fotografia por: DR
Os meios foram entregues por uma delegação composta por membros do Ministério da Economia e Planeamento, bem como do Gabinete Provincial do Desenvolvimento Económico Integrado, cuja missão é cadastrar todos os produtores locais para a sua inserção no Portal de Divulgação da Produção Nacional, no âmbito do PRODESI.

Segundo o director do Gabinete Provincial do Desenvolvimento Económico Integrado, Humberto Fernando Mesquita, a iniciativa enquadra-se num projecto do Ministério da Economia e Planeamento, que consiste na identificação e localização dos produtores, assim como a formalização das actividades económicas a nível de todos os municípios do país.

Testemunhou o acto de entrega, a administradora Municipal Interina, Maria Judite Barbosa Afonso que apelou aos contemplados a trabalharem com afinco de forma a cumprirem cabalmente as responsabilidade que lhes foram confiadas.
A nível do município do Golungo Alto foram seleccionados seis AMAPs, que assinaram um contrato válido por três meses que deve ser revogado ou actualizado em função do seu desempenho no terreno.


Equipamentos no Uíge

Por outro lado, seis Agentes Municipais de Apoio ao Produtor (AMAPs) do município da Damba, na província do Uíge, também receberam meios de trabalho.


Uma nota do Ministério da Economia e Planeamento indica que a próxima entrega de equipamentos e meios logísticos vai ser no município de Maquela do Zombo.

 Em Luanda, a região piloto do início dessa actividade, os AMAPs já estão em acção, em toda extensão da província.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia