Economia

Africell atinge dois milhões de clientes

Dois milhões de assinantes aderiram à Africell no primeiro mês de operação da companhia, a primeira de capital totalmente estrangeiro licenciada para fornecer serviços móveis no país, segundo declarações da sub-secretária de Estado norte-americana, Wendy Sherman, citada, este sábado, pela AFP.

08/05/2022  Última atualização 11H20
Companhia norte-americana animada com operação angolana © Fotografia por: DR

A empresa entrou em operação em Angola em 7 de Abril, para se juntar a outras três empresas de telefonia móvel que já operam no país: "está no mercado há um mês e tem dois milhões de assinantes”, disse Wendy Sherman num briefing online, ao encerrar um périplo por Angola, Gabão e África do Sul.

A fonte lembra que o director não executivo da Africell Peter Pham, previu, no ano passado, que a empresa iria tornar o "ambiente de negócios excessivamente aconchegante”.

Além disso, as empresas norte-americanas que operam em Angola passaram a elogiar o ambiente de negócios mais favorável ao investimento, numa economia rica em petróleo, disse Wendy Sherman.

"Ainda há questões a serem trabalhadas, mas eles viram uma mudança positiva, vêem oportunidades que não existiam antes e sentem-se mais confiantes” para investir em Angola, acrescentou.

No período promocional de três meses que se segue ao arranque da operação, a Africell isenta os pagamentos em ligações dentro da rede e estabeleceu  uma tarifa fixa de 12 kwanzas.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia