Economia

Adérito Costa: “Nota-se alguma melhoria na valorização dos agrónomos”

Xavier António

Jornalista

O engenheiro agrónomo, Adérito Costa, disse esta segunda-feira (13) haver melhorias na valorização dos agrónomos não “obstante as políticas ainda estarem a quem das expectativas".

13/09/2021  Última atualização 17H46
O engenheiro agrónomo, Adérito Costa © Fotografia por: DR

Em entrevista ao Jornal de Angola "Online”, em alusão ao "Dia Mundial do Agrónomo” que hoje se celebra, o especialista reconheceu haver, também, alguns passos positivos que assinalam uma mudança de paradigma no no país.

Adérito Costa avançou que os desafios são vários e mais abrangentes em função das necessidades alimentares que se regista, aliada à pouca capacidade de resposta da produção nacional, bem como a subida de preços dos produtos da cesta básica.

"Não estamos mal, mas também não estamos bem, ainda há muito que deve ser feito, para que os agrónomos estejam a altura de contribuir positivamente, para as necessidades do país que tem a ver com a nossa área de actuação”, apontou o engenheiro.

Na sua visão, a agricultura sustentável requer recursos humanos qualificados e permite uma agricultura mais racional, "e que cause menos impactos negativos ao meio ambiente, ofereça resultados positivos e saudáveis aos consumidores”, disse.

Celebração

A data é celebrada a 13 de Setembro em alusivo ao Dia Mundial do Agrónomo, que celebra a profissão daqueles que se dedicam as técnicas de agronomia e agropecuária.

A profissão do agrónomo envolve diversos campos de actuação, ligados a agricultura, agronomia e agropecuária e actuar em actividades relacionais a preparação de solo para plantações, criação de gado, técnicas para eliminação de pragas, actividades ligadas ao meio ambiente, agro-negócio entre outras.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia