Regiões

Acusação de feitiçaria resulta na detenção de seis cidadão

André da Costa|

Jornalista

O Comando Provincial do Bengo da Polícia Nacional deteve no último fim- de-semana um total de seis cidadãos com idades compreendidas entre 18 a 62 anos, por supostamente terem agredido colectivamente e de forma brutal, uma cidadã de 50 anos, sob acusação de feitiçaria.

23/06/2024  Última atualização 11H20
A foto é apenas ilustrativa © Fotografia por: DR | Arquivo
O porta- voz da Direcção Nacional de Investigação de Ilícitos Penais (DIIP), intendente Quintino Ferreira, explicou que entre os detidos constam também o mandante do crime, um cidadão de 62 anos, acusados de ter mobilizado cinco dos acusados  para agredirem selvaticamente com recursos à pedra e paus desferido sobre o corpo da vítima. 

A confusão de que resultou na detenção dos seis acusados, começou no dia 10 de Fevereiro deste ano, por volta das 5h quando a lesada,  se encontrava em sua casa,  na comuna da Quininha, bairro Samucuenda depois de ter sido  acusada, por um dos detidos, de ter morto com recurso ao feitiço, de um cidadão, familiar do mandante do crime. 

O mandante do crime, segundo Quintino Ferreira , convocou os  acusados acima referidos e, deu-lhes ordens para matarem a pedradas a lesada. Foi assim que os acusados torturaram a lesada, deixando -a com o corpo inflamado, tendo sido  socorrida até ao hospital onde foi medicada e tratada.

Em acto contínuo,  colocaram fogo sobre a  residência da participante,  sito no bairro Sanucuenda comuna da Quininha, depois de vandalizarem. 

A lesada apresentou queixa junto da Polícia Nacional, de que resultou na detenção dos acusados, que encontram-se detidos e o processo crime corre os trâmites legais.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Regiões