Reportagem

Actividades programadas em prol à efeméride

Instituto de Línguas Nacionais (ILN) do Ministério da Cultura, Turismo e Ambiente e a União Nacional dos Artistas e Compositores (UNAC - Sociedade de Autores) assinam, hoje, Dia Internacional da Língua Materna, um protocolo de cooperação, que prevê a transcrição e tradução de textos, para formação de curta duração direccionada a artistas e compositores, no domínio da escrita e leitura em línguas nacionais.

21/02/2022  Última atualização 08H45
Memorial Agostinho Neto acolhe as celebrações do Dia Internacional da Língua Materna © Fotografia por: DR

A cerimónia, a decorrer no Memorial Agostinho Neto, em Luanda, enquadra-se nas celebrações do Dia Internacional da Língua Materna e tem como objectivo estabelecer uma adequada política de utilização das línguas nacionais.

As partes, ILN e a UNAC – SA, irão cooperar na revisão de textos em línguas nacionais, para obras discográficas ou documentários, bem como na busca de patrocínios para a criação de um arquivo sonoro sobre a música angolana.

O protocolo de cooperação prevê, ainda, a interpretação de temas em línguas nacionais, nas vozes de Carlos Lamartine e Luís Lau (kimbundu), João Alexandre e LCY (kikongo), Sabino Henda (umbundu), Acácio Bambes (olunyaneka), Beto Bungo (fyoti) e Branca Celeste (cokwe).

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Reportagem