Economia

Aberta Feira Internacional de Luanda

Abriu esta terça-feira, 30, a 36ª edição da Feira internacional de Luanda (FILDA), em acto presidido pelo ministro de Estado para a Coordenação Económica, Manuel Nunes Júnior.

30/11/2021  Última atualização 13H51
© Fotografia por: Eduardo Pedro

Além de Angola, com 500 expositores, vão estar presentes expositores de 17 países com 58 empresas, representados individualmente e pelas Câmaras de Comércio. Portugal e China, com 17 e 11 empresas respectivamente, são os países mais representativos na FILDA deste ano, que vai decorrer sob o lema "A Tecnologia como Suporte ao Desenvolvimento do Agronegócio e da Indústria”.

Surgem depois a África do Sul, com 6, Brasil, Espanha, Itália e Alemanha, com três, Eritreia e Líbano, com dois, Reino Unido, Japão, Argentina, Índia, Coreia do Sul, República Democrática do Congo, França e Turquia, com uma.

Angola garante 90 por cento dos expositores, em representação de Luanda, Benguela, Cabinda, Namibe, Cuanza Sul, Zaire e Huíla.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Economia