Sociedade

16 mil famílias beneficiam de água potável no Cuito

Pelo menos dezasseis mil famílias no Cuito (Bié) já beneficiam de fornecimento de água potável de forma “ininterrupta”, com a entrada em funcionamento do novo sistema de captação, tratamento e distribuição, inaugurado em Outubro de 2019, pelo Presidente da República, João Lourenço.

19/01/2020  Última atualização 12H34
Nilo Mateus | Edições Novembro

A cidade do Cuito registava, nos últimos três anos, restrições de sete horas por dia no fornecimento desse precioso líquido, devido à fraca capacidade dos meios da antiga instalação e ao baixo caudal do rio Cussola.
Os dois sistemas (novo e antigo) permitiram elevar, até ao momento, para 16 mil o número de famílias que consomem água potável na cidade do Cuito.
Em declarações a Angop, Emiliana Chimela, reformada, manifestou a sua satisfação com a entrada em fun-
cionamento do novo sistema de abastecimento de água na circunscrição, na medida em que não se verifica mais restrições.
O munícipe Jorge Baltazar disse que o “fornecimento ininterrupto” do precioso líquido às residências é acalentador.
O novo equipamento, construído a partir do rio Cu-quema, bombea 648 metros cúbicos/hora.
Com custos avaliados em mais 39 milhões de dólares, o projecto resulta de uma linha de crédito da China e, além da cidade, fornece água aos novos bairros da periferia.

Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Comente

Faça login para introduzir o seu comentário.

Login

Sociedade